domingo, 30 de março de 2008

... somos apenas visitas, nesta Terra


video


Imagina que és convidado para ir a casa de outra pessoa, um amigo teu... Chegas a casa dele e encontras uma casa limpa, cheirosa, tudo arrumado, uma bela mesa, cheia de comida, e com bom vinho! E ainda uma companhia super agradável. Tudo isso preparado, com muito carinho, especialmente para te receber.

Posso até imaginar:

... não irias esquecer de limpar os sapatos, ou mesmo tirá-los, logo à entrada;

... não irias sujar ou estragar nada;

... irias ficar todo contente quando o teu amigo te convidasse para o banquete;

... iriam fazer um brinde com o maravilhoso vinho ou champanhe;

... iriam conversar bastante, rir muito, partilhar o mesmo espaço, conhecer novas pessoas que também foram convidadas;

... e no fim, acho que ainda irias oferecer a tua ajuda para arrumar as coisas;

... ele iria dizer que não é preciso, mas que gostou muito da tua companhia, e quer que tu voltes.

Esta Terra, onde moramos, não é nossa... apenas fomos convidados a passar um tempo por aqui. Então, não vamos estragar aquilo que não é nosso, nem perturbar a vida daqueles que são os verdadeiros donos Dela. É bem mais simples conservar do que destruir o que já existe... e há tanta coisa que podemos fazer nesta altura, em que todos estamos preocupados com o aquecimeno global!

Podemos, por exemplo:

gastar menos água; poupar energia, usar energias renováveis; usar transportes públicos ou andar de bicicleta, para quem não gostar de andar a pé, ou não tiver a possibilidade de comprar carro movido a energia elétrica; não fumar também e bom para o ambiente, e não apenas para nossa saúde; tentar produzir o mínimo de lixo possível durante o dia, e não colocá-lo no chão; não usar sacos plásticos, que depois não podem ser reciclados; procurar separar os diferentes tipos de lixo, colocando-os nos respectivos recepientes...

Há mesmo muita coisa que, a pouco e pouco, pode tornar esta casa, esta Terra, tão mais limpa e saudável para todos nós...

5 comentários:

Neli disse...

Para onde vai o lixo recolhido das casas e das indústrias?

Sobra de comidas, papéis usados, garrafas, latas, materiais plásticos... Nosso planeta produz todo ano trinta bilhões de toneladas de lixo. O Brasil produz cerca de 88 milhões de toneladas de lixo por ano, cerca de 440kg /ha.

Vivemos na chamada sociedade do consumo, em que quse tudo dura pouco e é descartável. Quanta coisa compramos só porque o que tínhamos saiu de moda ou já não é a última palavra em tecnologia?
a produção de tantas variedades de aparelhos, alimentos, embalagens, automóveis, etc. é feita à custa do desgaste dos recursos naturais. Alguns produtos industriai como o plástico, o alumínio e o vidro se decompõem muito lentamente. À medida em que descartamos, mais lixo vai acumulando.
Para onde vai esse lixo???
Para os LIXÕES - locais onde se descarrega o lixo diretamente no solo, sem nenhuma medida de proteção ao meio ambiente tornando o terrenos mal cheiroso e cheio de amontoados, muitos à céu abertos.
Para os ATERROS SANITÁRIOS - o lixo é colocado em trincheiras abertas ao solo e forradas com material impermeável com sistema de escoamento. para se fazer o aterro sanitário é preciso de uma área muito grande o que torna mais caro que o lixão e tem uma capacidade limitada de utilização, tem vida útil de dez anos.
INCINERAÇÃO - queima do lixo em aparelhos e usinas espciais mas no entanto, liberam gases tóxicos ao serem queimados o que acaba por poluir o ar.
COMPOSTAGEM - é a transformação da matéria orgânica do lixo em adubo. além do adubo, esta decomposição pode produzir gases para serem aproveitados como combustíveis, por exemplo, o biogás que´polui mens do que os derivados do petróleo. Para isso é preciso realizar a separação do lixo e a maioria das pessoas ainda não têm a conscientização desta importância não estando condicionadas para tanto.
RECICLAGEM - reaproveitamento de certas materiais do lixo: papéis, laas, vidros, plásticos.

Para a melhorar a qualidade de vida e o meio ambiente, todos nós - a população, os governos, as instituições públicas e privadas - precisamos nos conscientizar das questões relacionadas ao lixo. É necessário tomar atitudes que diminuam o volume do lixo e favoreçam os tratamentos adequados.

Pense nisso!!

Beijos!

Raul disse...

Ao desconcerto do Mundo

Os bons vi sempre passar
No Mundo graves tormentos;
E pera mais me espantar,
Os maus vi sempre nadar
Em mar de contentamentos.
Cuidando alcançar assim
O bem tão mal ordenado,
Fui mau, mas fui castigado.
Assim que, só pera mim,
Anda o Mundo concertado.

Luís de Camões

pela_vida disse...

"Corre, Condor
Condor meu amor
o homem não teve pena,
você está a morrer de dor,
uma dor que não é amena.

Voa, voa...
Voa depressa
que o homem é mau
e isso é normal!

Anda rápido.
não espere, corra!!
Se demorar mais um pouco,
com bala você morre.
Corra, condor!
Corra, para não ficar com dor,
Condor!"

Vultur gryphus

Ana_Ba disse...

A letra dessa música diz muitas coisas....

Planeta Água
Guilherme Arantes
Composição: Guilherme Arantes

Água que nasce na fonte
Serena do mundo
E que abre um
Profundo grotão
Água que faz inocente
Riacho e deságua
Na corrente do ribeirão...

Águas escuras dos rios
Que levam
A fertilidade ao sertão
Águas que banham aldeias
E matam a sede da população...

Águas que caem das pedras
No véu das cascatas
Ronco de trovão
E depois dormem tranqüilas
No leito dos lagos
No leito dos lagos...

Água dos igarapés
Onde Iara, a mãe d'água
É misteriosa canção
Água que o sol evapora
Pro céu vai embora
Virar nuvens de algodão...

Gotas de água da chuva
Alegre arco-íris
Sobre a plantação
Gotas de água da chuva
Tão tristes, são lágrimas
Na inundação...

Águas que movem moinhos
São as mesmas águas
Que encharcam o chão
E sempre voltam humildes
Pro fundo da terra
Pro fundo da terra...

Terra! Planeta Água
Terra! Planeta Água

Anónimo disse...

Ola Amigos da Terra. Aqui vem o link para quem gosta de entender e aprender. Do inicio da vida de um produto ate o "seu fim", vale a pena refletir um pouco sobre o que esta explicado neste site.

http://www.storyofstuff.com/

Enjoy. O video e em English claro :-)